Manabu Mabe - Artista | Almeida & Dale

Manabu Mabe

Kumamoto - Japão, 1924 São Paulo - São Paulo, 1997

Ainda menino, Mabe trabalhava com crayons e aquarela; aprendendo técnicas de desenho em revistas japonesas de arte que circulavam na comunidade nipônica do interior paulista. A influência do traço preciso e das cores equilibradas dos artistas tradicionais japoneses estão presentes em suas pinturas figurativas a óleo da década de 1940 e em sua produção abstrata.

Ao se mudar para São Paulo em 1957, Mabe passa a se dedicar exclusivamente às pesquisas pictóricas. Pinta nus, paisagens e natureza-morta, onde há influência do cubismo na organização espacial e do fauvismo nas cores. Interessado pela grafia oriental, pelas cores e pela linguagem puramente visual, o artista se volta para um abstracionismo gestual, que se aproxima do expressionismo abstrato. Sua obra se torna pioneira do abstracionismo informal no Brasil. Suas telas criam sensações de movimento que remetem às dinâmicas dos elementos naturais, como água, vento e o movimento das aves e peixes. Trabalha com sobreposições de grandes massas de cor e de camadas sobrepostas de tinta, geralmente em grandes formatos.

Em 1959, a revista Time de Nova York publicou o artigo sobre sua obra The Year of Manabu Mabe (O ano de Manabu Mabe). Ganhou o prêmio de melhor pintor nacional na 5a Bienal Internacional de São Paulo e o prêmio de pintura na 1a Bienal de Paris.

Sem título, s.d

óleo sobre tela
130 x 150 cm

Sem título, 1981

óleo sobre tela
87 x 77 cm

Sem título, 1980

óleo sobre tela
37,5 x 45,5 cm

Jovens, 1969

óleo sobre tela
76 x 76 cm

Sonho de Profeta, 1960

óleo sobre tela
72 x 91,5 cm

Segunda a sexta-feira das 10h às 18h
Sábado das 11h às 16h
Exceto feriados

+55 11 3882 7120
galeria@almeidaedale.com.br

Rua Caconde, 152 – 01425–010
São Paulo – SP